sexta-feira, 22 de julho de 2011

O VENTO

             Acordei, o vento soprava como um louco, fiquei logo toda baralhada. Todo o dia , toda a noite e hoje vamos ter mais do mesmo.......
            Este Verão faz-me lembrar os últimos dias de Setembro, quando ele se despede de nós.
            Para não desanimar,pensei, pode ser que esta ventania, leve para muito longe estas desgraças e tristezas e estes pensamentos horríveis que nos minam, resumindo que na sua essência o vento só nos traga coisas boas.
           Qual TROIKA, qual FMI, nós desta maneira (com a ventania) vamos poder dar um "ganda" pontapé num saco de plástico(o meu  sonho de sempre)onde vamos encontrar o caminho económico a felicidade para as crianças e ficaremos livres........ e então voaremos como as andorinhas num fim de tarde de VERÃO .


                                                                CARMITA 7/20011

terça-feira, 19 de julho de 2011

A CORRER

Vi os dias a passar, sempre esperança que qualquer dia ia ser uma pessoa "importante"...
O tempo continua a passar, a esperança desapareceu, e a corrida da minha vida, vai à velocidade, do tal TGV que nunca vimos passar                                                                                                                                                                          

                              carmita/11