terça-feira, 3 de junho de 2014

Palavras que roubei

Meu amor, meu amor
       Minha estrela da tarde
       Que o luar te amanheça
       E o meu corpo te guarde.
       Meu amor, meu amor
       Eu não tenho a certeza
       Se tu és a alegria
       Ou se és a tristeza. 


              José Carlos Ary dos Santos