quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Os meus anos 60/70

Nina de San:  

       Recordações, ou comparações,  esta crise que nos domina, levou-nos a esquecer as coisas básicas,quantas de nós deixamos de ir ao cabeleireiro, por falta de dinheiro, sim, agora é moda dizer que tudo é supérfluo, que há muitos necessitados, é um embrulho real, mas a auto-estima que perdemos, essa ninguém avalia. Nem psicólogos, nem políticos, nem economistas , ninguém pode avaliar, pois todos falam, mas todos ou ninguém tem razão.
       Saudades eu tenho, não abdico de ser mulher, nem admito, que uma mulher, não se arranje, a beleza, não faz mal a ninguém, antes pelo contrário.

        Carmita/Dez/2015


Ps: Chamem-me o que quiserem......